O sr. Rodrigo Maia, que alguns da esquerda acham que é “civilizado” já deu o veredito: Auxílio Emergencial nunca mais. Está decretado o fim da Pandemia… Não vai continuar em 2021 o “Orçamento de Guerra”.

Assim falou o Mercado pela Boca do Sr. Maia, o 1% que tem acumulado lucros extraordinários nesta Pandemia e não vai suspender nem o caviar de seu cardápio.

É preciso uma reação da sociedade civil contra esse descalabro, essa condenação à morte pela fome de milhares de brasileiros que são vítimas de um Governo genocida, e este Governo agora inclui a Câmara Federal, da qual o sr. Rodrigo Maia é representante.